Minhas leituras favoritas de 2018

2018 foi um ano bem intenso e, para mim, passou num piscar de olhos. No campo das leituras, eu acabei lendo um pouco menos que no ano anterior, no entanto abri um pouco meus horizontes com alguns livros que eu nem sonhava em conferir. Continue Lendo “Minhas leituras favoritas de 2018”

Anúncios

Resenha: Praia de Manhattan, de Jennifer Egan

“Cada vez que Anna transitava do mundo de seu pai para o de sua mãe e de Lydia, sentia que largava uma vida pela outra, mais profunda. E quando voltava para junto do pai, de mãos dadas com ele enquanto percorriam a cidade, era a vez de largar sua mãe e Lydia, muitas vezes esquecendo-se delas por completo. De um lado para outro ela ia, submergindo cada vez mais — e ainda mais —, até ter a impressão de que não tinha como afundar mais. Contudo, de algum modo, sempre tinha. Nunca chegava a tocar o fundo.”

Uma Nova York sombria e nada glamourosa é o cenário de Praia de Manhattan, de Jennifer Egan. Ao contrário de outros trabalhos da autora, como A Visita Cruel do Tempo, esta é uma obra mais tradicional: o foco é na vida de Anna Kerrigan, uma mulher que decide ser mergulhadora ao mesmo tempo em que procura o pai desaparecido. Praia de Manhattan me conquistou com seus ótimos personagens e sua narrativa envolvente. Continue Lendo “Resenha: Praia de Manhattan, de Jennifer Egan”

Minhas cinco leituras favoritas de 2014

2014 foi um ano que eu li muito menos do que eu gostaria. Foi também um ano de decepções literárias: alguns dos poucos livros que li foram bem abaixo das expectativas. De qualquer maneira, ainda conferi coisas muito legais e escolhi minhas cinco leituras favoritas de 2014, como de costume. Continue Lendo “Minhas cinco leituras favoritas de 2014”

Olhe para mim, de Jennifer Egan

“Passei uma hora inteira olhando pelo círculo de luz leitosa em volta do espelho do banheiro. Segurei fotos antigas ao lado da minha imagem e tentei compará-las. Mas só descobri que, além de não saber que aspecto eu tinha agora, eu jamais soubera. As fotos antigas não ajudaram. (…) As fotografias ruins nos revelam exatamente sob o aspecto que desejamos nunca ser vistos, e, se as guardamos, elas não só serão encontradas, como também o serão invariavelmente pela única pessoa no mundo que menos queremos que nos veja assim.” (págs. 41-42)

Depois de ler A Visita Cruel do Tempo, me tornei fã de Jennifer Egan. Os diferentes tipos de narrativa, os vários personagens interessantes e o ótimo estilo de escrita da autora me conquistaram. Sendo assim, não resisti quando fiquei sabendo do lançamento no Brasil de Olhe para mim, a segunda obra da carreira de Egan.

Continue Lendo “Olhe para mim, de Jennifer Egan”

Minhas cinco leituras favoritas de 2013

Meu 2013 foi um ano turbulento e repleto de mudanças. O resultado disso foi que, infelizmente, eu li muito menos do que gostaria. Mas isso não muda o fato de que eu li coisas muito interessantes e memoráveis. Assim como nos anos anteriores (2013, 2012, 2011), fiz uma lista das minhas leituras favoritas de 2013.

Continue Lendo “Minhas cinco leituras favoritas de 2013”

Resenha: A Visita Cruel do Tempo, de Jennifer Egan

Sempre gostei de tramas cujas narrativas são inusitadas, como Cloud Atlas. A Visita Cruel do Tempo é exatamente esse tipo de livro, cada capítulo é uma surpresa, pois as épocas e personagens abordados são sempre diferentes. E além de ser um ótimo mosaico, essa obra me fez refletir: qual foi o efeito do tempo até agora na minha vida? Continue Lendo “Resenha: A Visita Cruel do Tempo, de Jennifer Egan”