Impressões: Tales of the Abyss

Sempre gostei da série de RPGs “Tales of”. Infelizmente boa parte deles ou não sairam do Japão (Tales of Rebirth, por exemplo) ou sairam para consoles que eu não tive (os jogos de Playstation 2). Foi surpresa então quando a Namco anunciou um port para 3DS de Tales of the Abyss, lançado originalmente para Playstation 2 e considerado um dos pontos altos da série. Mais surpresa ainda foi ver que o jogo foi anunciado para o ocidente. Ótimo pra mim, finalmente tenho a oportunidade de jogá-lo. Sendo assim minhas impressões não levam tanto em conta o fato de ser um port.

~

Gostei:

Um jogo que envelheceu bem: Mesmo sendo um jogo de 2006, Tales of the Abyss ainda é um jogo relativamente bonito, ainda mais numa tela pequena. Os modelos e texturas são razoáveis e os efeitos de luz são legais. A taxa de frames é estável e tem vários detalhes legais pelos cenários (salvo o mapa mundi tosco).

Personagens: Os personagens são bem carismáticos e é fácil se identificar com eles. As situações são bem divertidas e a história flui bem, por mais que não foge muito do estereótipo de JRPG. E um milagre nesse tipo de jogo: a dublagem é competente, muito melhor que outros RPGs por aí.

Batalha: A série Tales sempre teve como destaque o sistema de batalha e nesse caso não é excessão. Tales of the Abyss usa um sistema melhorado da batalha do Tales of Symphonia (Gamecube), sendo que a adição mais significativa foi a possiblidade de andar livremente pelo campo de batalha. Outra característica exclusiva que gostei muito foi o Field of Fonons, áreas elementais no campo de batalha que alteram as técnicas utilizadas dentro delas.

Música: Ah, eu sou fã do Motoi Sakuraba… logo gostei muito da trilha sonora até agora. Anos luz melhor que a de alguns Tales recentes (sim Tales of Vesperia, pensei em você mesmo). Minha favorita é “The Arrow Was Shot”, o tema de batalha (e também é um dos meus temas de batalha favoritos de toda a série).

Não gostei:

Efeito 3D: Ser um port não significa que tem que ter um efeito 3D mediano, mas a Namco não entendeu isso. O efeito é até ok na maior parte do tempo, mas é comum ver imagens duplas. Lugares óbvios como menus não usam o efeito e ativar o 3D afeta levemente a saturação das cores. Mas o pior mesmo é quando você entra em alguma batalha: assim que você toca um inimigo a tela “quebra” como um vidro, nesse momento o 3D é desligado bruscamente e dá uma sensação estranha nos olhos… Será que eles queriam que fosse tão realista ao ponto de você sentir cacos de vidro nos olhos? (hehehe) Mas mesmo assim eu prefiro jogar com o 3D ligado.

Somente um port: Mais uma vez a Namco foi preguiçosa e não adicionou nenhum conteúdo extra. Além do efeito 3D mediano, melhora nos tempos de loading (parece que na versão de PS2 eles eram horríveis) e adaptação dos controles (a tela de toque pode ser utilizada para atalhos de técnicas nas batalhas), nada mais foi alterado. Para mim não é algo tão negativo já que nunca tinha jogado a versão original, mas o jogo não oferece atrativos para quem já terminou no PS2.

~

No mais Tales of the Abyss é uma excelente escolha para os donos de 3DS que gostam de RPGs, mesmo que não seja um jogo completamente novo. Inclusive é até melhor que alguns Tales mais recentes (*cof cof* Tales of Vesperia *cof cof*). Felizmente o jogo não envelheceu muito e tem muito conteúdo, oferecendo no mínimo umas 40h de jogo. Recomendado :]

Anúncios

2 comentários em “Impressões: Tales of the Abyss”

  1. eu quero tanto esse jogo, mas naum acho aki em Manaus T.T ( por favor sem piadinhas ) e comprar pela net meus pais naum deixam Y.Y e ja que a Saraiva naum tem, o jeito é ficar vendo pela net imagens e sonhar KKK de qualquer forma, muito bacana como vc ”analisa” os jogos de 3DS, muito bom kra, parabens !!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s