Impressões: The Legend of Zelda: Four Swords Anniversary Edition

Zelda Four Swords me remete a um passado não muito distante, um tempo que eram necessários cabos para jogar multiplayer em portáteis e que todo mundo precisava ter o jogo para desfrutar do multiplayer completo. Eu sempre tive a sorte de ter vários amigos que gostavam de jogos, sendo assim já tinha jogado Zelda Four Swords antes e sempre foi um dos meus jogos multiplayer favorito. Infelizmente não pude aproveitar completamente sua continuação para Gamecube (Zelda Four Swords Adventures), principalmente pela quantidade de cabos exigida. Sempre me perguntei o motivo da Nintendo não continuar a série no DS, já que ele introduziu o multiplayer sem cabos… até que na E3 de 2011 o relançamento do jogo foi anunciado, é claro que fiquei muito feliz (ainda mais por ser de graça!).

Originalmente incluído no port de The Legend of Zelda: A Link to the Past para GBA, Four Swords era um jogo exclusivamente multiplayer. Nele Zelda consegue ser raptada pela milésima vez, dessa vez por Vaati, o mago dos ventos. Para salvar Zelda e selar Vaati, Link usa o poder da Four Sword para se dividir em (até) 4 Links e conseguir superar os desafios. Eram 4 diferentes fases, sendo que os níveis eram escolhidos aleatoriamente em cada partida, ou seja, não enjoava fácil. O jogo era divertido pela mistura de multiplayer cooperativo e competitivo: era necessário que todos os jogadores colaborassem entre si para superar os obstáculos, ao mesmo tempo que o jogador com mais rupees era premiado com uma medalha ao final de cada fase. Era algo meio caótico: pessoas jogando as outras nos buracos, pessoas roubando rupees, pessoas avacalhando o progresso… era uma guerra, das boas.

A nova versão do jogo, que agora se chama “The Legend of Zelda: Four Swords Anniversary Edition”, adiciona uma série de novidades legais. A primeira delas é um modo single player no qual o jogador controla 2 Links simultaneamente. Me pareceu meio que um “remendo”, já que a adaptação foi bem limitada… Eu esperava algo no nível do Four Swords Adventures (lá era possível escolher entre várias formações para os 4 Links no modo single player), mas no Anniversary Edition só é dada a opção de controlar um Link de cada vez ou então um seguindo o outro, executando automaticamente as ações necessárias. Foi legal por parte da Nintendo/Greezo em oferecer esse modo para quem não tem outras pessoas por perto para jogar o modo multiplayer, por mais que o jogo fique um tanto sem graça e fácil no single player… o que é justificável, já que o jogo foi originalmente concebido para o multiplayer caótico.

Para mim a melhor adição foram as fases extras: “Realm of Memories” e “Hero’s Trial”. Realm of Memories são 3 fases baseadas nos Zeldas de Snes, Gbc e Nes, ficaram ótimas e divertidas, sem contar o fator nostalgia. Já Hero’s Trial são fases extremamente difíceis, eu mesmo não consegui completar ainda. A adição dessas fases deu uma ótima sobrevida ao jogo, principalmente pra quem já conhecia o original como eu. Existem coisas completamente novas nelas, não é somente um reuso de coisas já presentes no jogo. A única questão ruim é que não existem chefes nessas fases.

Além disso tudo o jogo foi adaptado para o DSi/3DS, contando com um radar e status na tela de baixo. É possível também usar um apito para chamar a atenção dos outros jogadores, algo que é mais para irritar do que realmente chamar atenção, já que todos jogadores estão próximos e podem muito bem se comunicar pessoalmente. O multiplayer, que sofria horríveis slowdowns na versão original, foi melhorado e agora funciona de forma bem mais fluída. A maior reclamação tem sido a falta de um modo online, felizmente isso não me afetou pois tenho muita gente com quem jogar.

Superando um pouco o que eu esperava, ficou bem claro que The Legend of Zelda: Four Swords Anniversary Edition é um excelente jogo. Multiplayer extremamente divertido, novidades legais e o fato de ser grátis (por tempo limitado) só contribuem para sua excelência. Com certeza uma ótima maneira de comemorar os 25 anos da série Zelda.

*The Legend of Zelda: Four Swords Anniversary Edition está disponível gratuitamente no DSi Shop e eShop até 20 de Fevereiro de 2012. Site oficial

Anúncios

2 comentários em “Impressões: The Legend of Zelda: Four Swords Anniversary Edition”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s